24 de novembro de 2018

Portugal já tem o primeiro centro militar certificado de emergência em combate

(MGP)A Marinha tem desde hoje o primeiro centro militar em Portugal credenciado como centro de Formação em Tactical Combat Casualty Care. Esta formação, reconhecida internacionalmente, é um requisito fundamental indicado pela NATO para todos os operacionais, colocados nos Teatros de Operações.

​​​​​​​A cerimónia de certificação realizou-se hoje, na Escola de Tecnologias Navais, e contou com a presença de várias entidades, nomeadamente do inspector da NATO Alan O’Brien que certificou o curso e o centro.

Neste centro, os 12 instrutores que estão agora a ser formados como instrutores NATO, são médicos navais, enfermeiros militares, fuzileiros do Destacamento de Acções Especiais e mergulhadores sapadores.

​Os formandos são 20, sendo 16 da Marinha, 2 comandos do Exército e 2 militares da Força Aérea.

As técnicas ensinadas neste curso, salvam vidas, através de procedimentos de suporte básico de vida que têm que ser aplicados mesmo em situação de combate.