30 de setembro de 2014

COMANDANTE ALPOIM CALVÃO - "FUZILEIRO SEMPRE!"

Faleceu hoje, no hospital de Cascais, o Capitão-de-mar-e-guerra Guilherme Almor de Alpoim Calvão. Oficial mais condecorado da Marinha, foi dos poucos militares agraciados com a medalha da Ordem Militar da Torre e Espada, do Valor, Lealdade e Mérito, com Palma, que é atribuída por feitos em combate.Frequentou o curso de Marinha da Escola Naval entre 1954 a 1957, especializou-se em Mergulhador sapador e em navegação submarina, tendo-se voluntariado para cumprir comissão como Fuzileiro Especial.

O Comandante Alpoim Calvão distinguiu-se na guerra do ultramar, participando em diversas missões operacionais, tais como as Operações Trovão e Tridente, como Comandante do Destacamento de Fuzileiros Especiais Nº 8. Planeou e comandou a Operação Mar Verde que permitiu a libertação de prisioneiros portugueses. 

Ficou desde sempre ligado à Guiné-Bissau.

O Comandante Alpoim Calvão foi um brilhante estratega e com elevadas qualidades militares provadas em campanha que o tornaram numa referência para os Fuzileiros, honrando a Marinha e as Forças Armadas Portuguesas. (Fonte: M.G.P)

"Quando chegar a hora decisiva,
Procurem-me nas dunas, dividido
Entre o mar e a terra."
Miguel Torga