26 de setembro de 2014

Secretária de Estado Adjunta e da Defesa Nacional no Dia das Forças Armadas de Defesa de Moçambique

A presença do Governo português nas cerimónias do 25 de Setembro, em Maputo, serviram "para dar testemunho da vontade de continuarmos a cooperar com um país amigo, nomeadamente no âmbito das Forças Armadas", explicou Berta Cabral.

"Portugal tem tido uma colaboração muito estreita com Moçambique na aérea técnico-militar e este Dia é também um orgulho para nós, pois, pela nossa pequena quota-parte, também nos sentimos parte integrante da edificação e capacitação das Forças Armadas de Defesa de Moçambique", acrescentou a governante.

"Neste Dia das Forças Armadas, quero felicitar todo o povo de Moçambique e desejar que continue a consolidar a paz, a democracia e a prosperidade. Estamos disponíveis para alargar a cooperação a outras áreas, quer da diplomacia económica quer da defesa, da saúde ou da educação", disse ainda Berta Cabral, recordando que Portugal vai integrar o grupo de observadores internacionais liderado pelos italianos que vai acompanhar o processo de paz em curso no país da África Austral.

As cerimónias do Dia das Forças Armadas de Defesa de Moçambique tiveram o seu momento alto num festival no Estádio Nacional do Zimpeto, presidido pelo Presidente da República, Armando Guebuza. (Defesa)