1 de novembro de 2014

"A Rússia pode avançar para posições que já não são aceitáveis"

O General Loureiro dos Santos comparou as recentes manobras da Rússia no espaço aéreo português às que se "verificaram nas vésperas da segunda guerra mundial.”

Para o General Loureiro dos Santos, a passividade da Europa face às mais recentes manobras militares aéreas está a dar confiança à Rússia. O antigo chefe do Estado-maior do Exército não tem duvidas em dizer que os russos estão a explorar as debilidades ocidentais em matéria de defesa.

“Esta reacção de baixar de braços e consentimento naquilo que a Rússia esta a conseguir fazer pode levar a uma situação de tal confiança por parte da Rússia, que a certa altura a Rússia pode avançar para posições que já não são aceitáveis por parte do ocidente”, disse à Renascença, no programa Terça à Noite.

O general Loureiro dos Santos disse ainda, sobre a entrada de aviões russos em espaço aéreo português (o segundo acidente em dois dias), que “foi mais ou menos este tipo de desenvolvimentos que se verificaram nas vésperas da segunda guerra mundial.”

A Renascença contactou a Força Aérea Portuguesa e a representação de Portugal junto da Nato, que não vão dar mais nenhuma informação adicional, remetendo para as declarações do ministro da Defesa. (RR)