2 de março de 2016

Marinha e Força Aérea participam no 'Real Thaw 2016'

Uma força naval nacional composta pela fragata Bartolomeu Dias e pelo reabastecedor de esquadra Bérrio, largaram da Base Naval de Lisboa, no passado dia 29 de Fevereiro, com o intuito de participarem no maior exercício da Força Aérea Portuguesa, o Real Thaw 2016 (RT16), que decorre até ao dia 4 de Março.

Para além desta força naval participam ainda neste exercício outros meios da Marinha, designadamente a fragata Álvares Cabral, o submarino Arpão, uma Força de Fuzileiros e um grupo do Destacamento de Acções Especiais, num total de 680 militares.

A Marinha tem como principal objectivo o treino em cenários de grande intensidade e complexidade, de modo a melhorar o conhecimento e experiência do emprego de meios navais em situações operacionais exigentes.

Este exercício reveste-se de particular importância pois constitui-se como uma excelente oportunidade de interacção com meios de outros Ramos das Forças Armadas e de Aliados. O exercício envolverá a participação das Forças Armadas Portuguesas e ainda forças da Bélgica, da Dinamarca, da Espanha, dos Estados Unidos da América, da Holanda e ainda de meios aéreos da NATO, os quais ficarão sediadas na Base Aérea Nº11, em Beja. ( DN)