24 de outubro de 2016

Base Aérea Monte Real: Primeira Unidade de Defesa da UE certificada em Ecogestão e Auditoria Ambiental

A Base Aérea de Monte Real (BA5) obteve a Certificação EMAS – Sistema Comunitário de Ecogestão e Auditoria –, tornando-se a primeira unidade de Defesa da União Europeia e do Espaço Económico Europeu a possuir esta distinção. A BA5 recebeu o Certificado de Gestão Ambiental ISO-14001 no final de Setembro, concluindo com sucesso um processo de certificação muito exigente que demorou seis anos.

A BA5 alcançou as certificações ambientais porque demonstrou enorme preocupação na eliminação de resíduos, riscos e custos desnecessários, ao mesmo tempo que reforçou os seus valores quanto à proteção do meio ambiente, tendo sempre presentes os pressupostos subjacentes ao desenvolvimento sustentável.

O mecanismo europeu EMAS visa promover uma melhoria contínua do desempenho ambiental, através da implementação de Sistemas de Gestão Ambiental, disponibilizando informação ao público. Este sistema conduz à transparência absoluta dos elementos rastreados, assim como a uma eficácia na melhoria dos sistemas ambientais, com vista, nomeadamente à proteção ambiental e à prevenção da poluição.

Estas são mais duas prestigiantes conquistas de umas Forças Armadas modernas que, sem comprometer as missões que lhe estão atribuídas, demonstram que é possível acomodar uma permanente preocupação e consciência ambiental.

Em Portugal a certificação EMAS é promovida pela Agência Portuguesa de Ambiente, que coordena e monitoriza os Sistemas de Gestão Ambiental associados. A Direcção-Geral de Recursos da Defesa Nacional e a Agência Portuguesa de Ambiente estabeleceram um protocolo para a implementação da certificação EMAS em unidades da Defesa. (Defesa)