19 de janeiro de 2017

Presidente da República vai inaugurar simulador de acção táctica da Marinha

Presidente da República é recebido sexta-feira na base naval de Lisboa, na margem sul do rio Tejo.

Marcelo Rebelo de Sousa vai inaugurar sexta-feira o simulador de acção táctica da Marinha, soube o DN junto de fontes militares e da Presidência.

O Comandante Supremo das Forças Armadas vai ao centro de instrução de táctica naval, na base de Lisboa, onde está o novo equipamento que permite simular tácticas e procedimentos operacionais em submarinos, navios de superfície e helicópteros, guerra anti-submarina e aérea, de superfície ou electrónica.

Marcelo rebelo de Sousa vai visitar também o agora chamado centro de operações marítimas, a que a Marinha mudou o nome depois de ter sido inaugurado há cerca de uma década como centro de operações navais - como se classificam as de natureza militar atribuídas a esse ramo militar das Forças Armadas.

A inauguração do simulador "permitirá treinar em terra acções tácticas que habitualmente se realizam no mar", contribuindo assim para reduzir "os custos associados" ao treino e manutenção dos níveis de prontidão das guarnições, referiu uma fonte militar.

O sistema incorpora uma base de dados capaz de armazenar até 1500 unidades, meio milhar de plataformas, 1500 sensores e outras tantas armas, entre outras características. Efectuar três exercícios diferentes em simultâneo e treinar um Estado-Maior em terra ou no mar são algumas das potencialidades oferecidas pelo novo equipamento. (DN)