14 de julho de 2017

'Elefantes' voaram 400 horas ao serviço da Agência Frontex

No período compreendido entre Março e Junho, as tripulações da Esquadra 502 - Elefantes efectuaram 400 horas de voo, tendo, no total, feito cobertura de uma área superior a 1.489.500 milhas quadradas ao serviço da Agência FRONTEX. Foram identificados 14.893 alvos, que culminaram em 192 eventos, que por sua vez levaram à identificação de 89 contactos de interesse para a Agência FRONTEX.

Entre as várias missões efectuadas, é de destacar a missão do dia 28 de Maio onde, pela primeira vez na história da Esquadra 502, foi efectuado o lançamento real das balsas de salvamento (KIT-MA1), que permitiu o resgate bem sucedido, e sem vítimas a lamentar, de 34 migrantes.

O destacamento português operou a partir da Base Aérea de Málaga, em Espanha, apoiando na monitorização de situações de narcotráfico, de imigração ilegal e de poluição marítima, com o objectivo de promover a estabilidade e a segurança em todo o Mar Mediterrâneo. (FAP)