17 de fevereiro de 2018

FUZILEIROS APOIAM A SOCIEDADE CIVIL

Irá decorrer na freguesia de Sto. António da Charneca, concelho do Barreiro, no período de 19 a 23 de Fevereiro de 2018, mais um treino do Destacamento CIMIC (Civil and Military Cooperation) da Marinha.

A actividade tem como objectivo a certificação desta capacidade residente na Marinha para posterior integração na Companhia Geral CIMIC, unidade criada em 2004 na estrutura das Forças Armadas portuguesas com o objectivo de garantir a coordenação entre as operações militares e as entidades civis, autóctones ou internacionais, presentes num determinado teatro de operações.

O cenário criado este ano tem como base um conflito armado num país fictício, que obriga a intervenção das Nações Unidas para restabelecer a paz e a segurança naquele território, garantindo desse modo o apoio e assistência humanitária necessária à população flagelada. Ao abrigo dos compromissos internacionais, Portugal, vai contribuir com uma Força de Fuzileiros (FFZ) - Initial Entry Force - com o intuito de criar as condições de segurança para a entrada das restantes Forças no território – Follow-on-Forces. O Destacamento CIMIC da Marinha terá como tarefa assegurar a coordenação das operações militares conduzidas por esta FFZ com as autoridades locais, organizações governamentais e não-governamentais, agências e outras entidades civis a trabalharem naquele território, com o intuito de reduzir o impacto ambiental das operações e minimizar os danos colaterais em infraestruturas críticas bem como em locais de culto religioso e histórico.

Em paralelo, e aproveitando a presença da Marinha na Freguesia de Sto. António da Charneca, está prevista a realização de diversas atividades procurando a total interação do Destacamento CIMIC da Marinha com a população local, sendo de destacar:
- ações de rastreio e cuidados de saúde primários à população mais idosa com equipas médicas do Centro de Medicina Naval;
- acções de esclarecimento em saúde oral às crianças da Escola Primária da Vila Chã;
- demonstrações cinotécnicas;
- exposições de material e equipamento.

Estas actividades pretendem demonstrar a capacidade da Marinha para o apoio às populações em situação de emergência civil, catástrofe, crise ou conflito, situação que ficou bem registada durante os incêndios do verão passado. (MGP)