30 de março de 2018

Força Aérea patrulha zonas marítimas de Cabo Verde

Uma aeronave P-3C CUP+ Orion da Força Aérea Portuguesa vai patrulhar, entre 29 de Março e 03 de Abril, as zonas marítimas de Cabo Verde no âmbito da cooperação técnico-militar entre os dois países.

Um destacamento, composto por 29 militares portugueses, vai realizar acções de patrulhamento marítimo têm como principal objectivo contribuir para o combate ao tráfico de droga e pessoas, detecção de acções de delapidação dos recursos marinhos e de poluição marinha originada por navios em trânsito na região.

Esta missão, realizada em coordenação com as autoridades de Cabo Verde, insere-se no plano dos compromissos de cooperação militar bilateral entre Portugal e Cabo-Verde, na qual Portugal disponibiliza meios militares que contribuam para a vigilância e para operações de segurança marítima na costa oeste de África e no Golfo da Guiné, sendo que os militares também vão colaborar e apoiar eventuais operações de busca e salvamento na área de responsabilidade de Cabo Verde.

Durante a sua permanência em Cabo Verde, a aeronave da Esquadra 601 - Lobos irá contar com a visita de alunos da Universidade Cabo Verde, dos cursos de Engenharia Electrotécnica e Engenharia Mecânica, bem como de militares das Forças Armadas de Cabo Verde.